The Digital Marketing

SEO: O que é e TUDO o que você precisa saber sobre

SEO o que é e como aparecer no google

Fala, jovem! Ao longo dos últimos 20 anos (pasmem, meu primeiro site entrou no ar em 2002 😬), eu já vi de tudo nesse mundo online. Mas uma coisa é certa, desde sempre as pessoas procuram obter informações na internet. Essas informações são as mais variadas possíveis e acontecem nos mais diversos canais e ferramentas que o mundo virtual oferece (google, YouTube, Instagram, TikTok…). Resolvi juntar e disponibilizar gratuitamente o que aprendi, vi e vivi, até agora, sobre SEO. (contando e aprendendo diariamente). Esse post poderia ser um livro, mas é só post de blog. Aproveitem sem moderação.

Antes de tudo. Temos que entender que estamos falando de pessoas. Pessoas, em geral, são curiosas. Já gerei muito tráfego para diferentes sites com coisas simples como a idade de uma pessoa que acabou de viralizar na internet, a letra de uma música que está bombando no WhatsApp, a orientação sexual de um influencer “bonitão” ou, até mesmo, com o status de relacionamento de uma professora de inglês que viralizou no Tik Tok, o povo queria saber se ela era casada ou não. Acreditem, tem de tudo.

Google Trends – “professora do tiktok” aumento repentino em setembro de 2022

O que isso tem a ver com SEO? Primeiro, precisamos entender que SEO é uma sigla que basicamente significa “Otimização para Motores de Busca”. Ou seja, as pessoas buscam conteúdos o tempo todo, como você otimiza esse conteúdo, o site, o vídeo…. para que ela encontre você? Lembrando que todo mundo na internet está querendo a mesma coisa: aparecer.

Não tem receita de bolo, “faz isso e fique em primeiro”, pois muita coisa muda, o tempo todo. Fato é, tem novas oportunidades e desafios aparecendo toda hora. Muito mais do que usar a técnica x ou y, você precisa entender sobre pessoas e o que elas procuram. Tem gente que já está falando de SEO para NFTs, por exemplo. Bom, vamos falar de como estruturei este artigo (que poderia facilmente ser um livro, rs).

Dividi esse artigo em 5 grandes blocos, são eles:

Esse é o índice reduzido, sugiro que você dê uma olhada no índice completo logo abaixo.

Ah, antes de seguir, queria deixar aqui meu agradecimento a Naná (minha esposa), e a Isabelle Miranda por toda a ajuda na construção deste post. Ficou tão completo que precisei de ajuda pra organizar, escrever e compilar tudo. Muito obrigado, mesmo! Vocês foram demais.

Este artigo é um artigo vivo e é atualizado praticamente todos os dias. Então vale a pena favoritar e visitá-lo de vez em quando.

SEO ainda é relevante em 2023?

Sim, SEO ainda é relevante em 2023 e o marketing de conteúdo está ganhando cada vez mais protagonismo, pois é por meio do SEO que você aumenta as chances de um conteúdo ser posicionado nos buscadores e de ser encontrado pelo seu público-alvo. Entretanto, vale a pena você entender que agora não basta mais saber SEO voltado para texto, você precisa otimizar vídeos, redes sociais, guias… tudo o que possa responder às dores dos usuários.

Técnicas Black Hat x White Hat

Agora que você já sabe que existem diversas estratégias de SEO para que seu site fique bem posicionado no Google, vamos falar sobre os tipos de hackers para não infringir as regras da web e sofrer uma punição – que pode resultar em uma queda de 90% na audiência do seu site. 

Por isso, hoje iremos falar quais são as diferenças entre Black Hat e White Hat.

Black Hat

Em primeiro lugar, Black Hat são os hackers que burlam os mecanismos de busca para que as páginas do seu interesse apareçam sempre no topo, mesmo sem a aplicação de uma estratégia digital. 

A descoberta desse tipo de ação poderá banir definitivamente a sua página do universo digital. 

White Hat

Já o White Hat são ferramentas e técnicas que não infringem as regras dos buscadores para aumentar a sua visibilidade na internet. 

Em suma, White Hat é a implantação das verdadeiras técnicas de SEO.

O que é SEO Writing?

O SEO Writing é um processo de criação, planejamento e otimização de um conteúdo com objetivo de destacar seus conteúdos nas primeiras páginas do Google. 

O segredo é ter um bom conteúdo e escrita estratégica, pensada para os mecanismos de busca e para o usuário.

Dessa forma, com essa técnica, você conseguirá atrair leads qualificados (potenciais clientes) para o seu site, fazendo com que a comunicação seja mais assertiva e a conversão mais eficiente.

Pesquisa de Palavras-chave: O que é e como fazer?

Afinal, como as pessoas encontram um conteúdo? A resposta é simples: por meio da consulta de palavras-chave.

A palavra-chave é o termo que um usuário digita no buscador quando faz uma pesquisa. Se o que ele digitou for a palavra-chave de uma página do seu site, as chances desta página aparecer na busca orgânica são muito grandes. 

Veja os tipos de palavras-chave:

Cauda longa

As palavras-chave de cauda longa, também conhecidas como long tail, são consideradas o pote de ouro do marketing de conteúdo, pois são mais longas e muito mais específicas. Dessa forma, o conteúdo será mais direcionado para um ponto específico e o tráfego mais qualificado.

Cauda curta

Em contrapartida, as palavras-chave de cauda curta são mais sucintas e gerais e, por isso, possuem um volume de buscas maior. Hankear nas primeiras posições do Google com as palavras de cauda curta é mais difícil já que a competição por ela é muito mais alta.

Como fazer pesquisa de palavra-chave

Chegou a hora de colocar a mão na massa!

A seguir você vai descobrir como fazer uma pesquisa de palavra-chave efetiva, confira:

Antes de mais nada, você precisa definir o tema do conteúdo. Esse é o primeiro passo para pesquisar palavras-chave.

O segundo passo é escolher a ferramente de buscar palavras-chave. Abaixo listei 3 que são ótimas para isso:

Essas ferramentas são bem intuitivas e te mostrarão ótimas oportunidades de palavras-chave para você usar em seu texto. Para ter mais ideas do que escrever, gosto de pesquisar as palavras-chave também na ferramenta Answer the public.

Agora que você já sabe como escolher uma palavra-chave por meio de uma pesquisa consistente, veja quais são as principais técnicas para SEO:

Quais as principais técnicas de redação e escrita para SEO?

Sobretudo, na redação e escrita para SEO existe um conjunto de práticas criadas para facilitar a organização dos conteúdos online.

Confira algumas dessas técnicas específicas:

Assim, seguindo essas técnicas o texto estará otimizado para SEO e os resultados do seu site serão melhores.

O que são palavras de transição?

Primordialmente, para que um texto seja bem feito é importante que tenha palavras que conectam ideias e frases. 

Esse é um fator necessário quando falamos de SEO, pois o Google privilegia a experiência do usuário. Dessa forma, as palavras de transição mostram ao leitor a relação entre as frases e parágrafos.  

Isso resulta em um conteúdo de qualidade e em uma experiência mais agradável para o leitor e, consequentemente, um rankeamento melhor. 

O que é um conteúdo cornerstone?

Um Cornerstone Content, ou “conteúdo de sustentação”,  é um dos elementos mais importantes quando falamos em SEO, pois esse conteúdo é o mais abrangente, confiável e de alta qualidade. 

Ou seja, é ali que as informações mais valiosas estão inseridas.

Veja mais sobre Conteúdos Cornerstones →

O que são Topic Clusters?

Os Topic Clusters são a organização dos conteúdos em grupos específicos que giram em torno de um tópico principal. 

Essa organização foi criada pela HubSpot, que observou as mudanças em como as buscas online são feitas e em como os buscadores respondem a essas dúvidas.

Como fazer linkagem interna?

Para fazer linkagem interna basta colocar links que apontam para outra página do seu próprio site.

Essa estratégia tem um papel fundamental no desempenho de um site, tanto nos mecanismos de pesquisa quanto para os usuários.

Porém, não é simplesmente sair linkando tudo para tudo. Uma maneira de fazer linkagem interna, é ter um post principal mais completo com vários links para posts internos que são mais específicos. E os posts específicos daquele tópico, também devem ser linkados para o post principal.

Otimização de Imagens para SEO

A otimização de imagens para SEO também é muito importante para rankear melhor nas buscas online. Sobretudo, as melhores práticas são:

A importância do Link Building

De antemão, o link building é muito importante para a estratégia de SEO, pois garante ao site autoridade em um veículo de busca por meio de linkagens externas que direcionam o usuário para o seu domínio. 

Dessa forma, quando os links apontam para a sua página, ela ganha pontos para posicionamentos no Google. 

Uma estratégia muito usada de link building é fazer parcerias com outros sites. Assim, uma empresa divulga o link da outra e faz com que a credibilidade melhore de forma orgânica. Esse é um grande mercado para as famosas empresas de RP (relações públicas e assessorias de imprensa).

O que são backlinks?

Os Backlinks são, de forma simplificada, um link feito de um site para outro. Dessa forma, os motores de busca usam a qualidade e o número de backlinks como um sinal de ranqueamento.  

Sendo assim, a cada link recebido os sites ganham autoridade e quanto maior ela for, maiores são as suas chances de conquistar um bom posicionamento.

Como conseguir Backlinks?

Como você deve estar imaginando, estabelecer um bom número de backlinks é um pouco mais desafiador do que pagar alguns outros proprietários de sites para citar uma de suas páginas.

Mas calma! Vou citar 4 estratégias de backlinks que irão te ajudar a melhorar seus rankings e ter um impacto positivo na sua visibilidade nos resultados de pesquisa.

Principais Ferramentas de SEO

Antes de tudo, hoje, é impossível fazer uma estratégia de marketing de conteúdo sem pensar em SEO. Por isso, existem as principais ferramentas de SEO para ajudar você a otimizar seu site. 

Confira quais são elas:

Google Analytics Universal e Google Analytics 4

O Google Analytics 4, lançado em 2020, é a nova versão do Universal Analytics, e veio com diferenças de ferramentas e interface. Eles servem para monitorar o perfil de quem acessa o seu site, analisando conversões, dispositivos usados, cidades e outros dados. 

Google Search Console

O objetivo do Google Search Console (Webmaster Tools) é diagnosticar e detectar problemas de SEO nas páginas da web.

Desse modo, ele permite que você saiba em qual posição seu site está rankeando no buscador, além de analisar quais palavras-chave são capazes de gerar mais resultados para o seu negócio.

Veja alguns dados que o Google Search Console disponibiliza para análise:

Semrush

O SEMRush é uma ferramenta que avalia o desempenho do seu site, destacando as suas falhas e posições de palavras-chave.

Além disso, sua função de análise de conteúdo sugere palavras-chave para serem usadas durante o texto. 

Ahrefs

De antemão, a Ahrefs é uma ferramenta de SEO criada para analisar métricas de link building e links que uma página ou domínio recebem, além de oferecer dados importantes para fazer um planejamento de SEO e recursos para quem precisa fazer benchmark.

Ubersuggest

A ferramenta Ubersuggest serve para você descobrir como estão sendo exploradas as keywords do seu interesse e sugere outras palavras que podem contribuir para a construção do seu conteúdo. 

Além disso, você consegue descobrir quais são os termos mais procurados por uma audiência e aquilo que mais desperta a atenção dos usuários. 

Answer the Public

O Answer the Public é uma ferramenta bem interessante e eficaz para pensar em novas ideias para os seus conteúdos. Nesse sentido, ele prioriza um fator importantíssimo em uma estratégia de SEO: a intenção de busca, encurtando o caminho para quem precisa gerar tráfego, leads e vendas.

GT Metrix

O GTmetrix é uma ferramenta que permite você saber, em detalhes, o carregamento do seu site ou blog. Ele indica o tempo de download de cada elemento, o que possibilita fazer otimizações de modo que o usuário tenha a melhor experiência possível no que diz respeito à velocidade.

Assim, você consegue saber exatamente quantas visitas ocorrem diariamente ou a cada mês, quais posts são mais populares e qual é a taxa de cliques em links, botões e anúncios. 

Page Speed Insights

O PageSpeed Insights (PSI) é uma ferramenta gratuita do Google que auxilia na medição da velocidade de carregamento de uma página da web, além de sugerir melhorias em pontos específicos para otimizar o carregamento de acordo com o que o Google considera ideal. 

Google Trends

Google Trends permite acompanhar a evolução do número de buscas por uma determinada palavra-chave ao longo do tempo. Ao pesquisar por uma palavra, o Google Trends mostra um gráfico com o tempo e o volume de buscas. 

A ferramenta reúne uma gigantesca base de dados para mostrar a você quais temas estão sendo pesquisados no momento, quais foram pesquisados nos últimos 30 dias.

Plugins de SEO para WordPress

Qual é o melhor plugin para SEO em WordPress é a dúvida de quase todos os usuários do CMS. Isso porque essa é uma ferramenta necessária para melhorar a performance de sites.

Veja a seguir plugins de SEO para WordPress:

Yoast SEO

O Yoast SEO é um dos melhores e mais usados plugins de SEO para WordPress do mercado. A ferramenta permite que o usuário adicione títulos e descrições de SEO a todas as postagens e páginas que integram o site.

O plugin também:

SEOPress

SEOPress é um plugin de SEO para WordPress muito poderoso. Ele inclui todos os recursos conhecidos para manter uma boa estratégia de SEO, como título, meta descrição, suporte a gráficos abertos, criação de mapas em XML, redirecionamentos, entre outros.

Além disso, é um dos plugins que seguem as diretrizes e regras de white hat impostas pelo WordPress e pelos mecanismos de pesquisa.

Veja outras funcionalidades do plugin:

SEO Framework

O SEO Framework também segue as diretrizes de performance exigidas pelo WordPress e pelos mecanismos de pesquisa e é integrável aos demais plugins instalados no CMS, sendo rápido, responsivo e ajuda a evitar erros canônicos para categorias e páginas. 

Outros recursos do plugin:

WP Rocket  

É um plugin de cache WordPress e promete a otimização de desempenho a partir da melhoria considerável de tempo de carregamento da página. Entre seus recursos, podemos citar:

O plugin para SEO deve ser incorporado ao seu site para garantir a otimização necessária para o rankeamento da página. No entanto, a escolha do melhor plugin para SEO em WordPress depende das necessidades do projeto.

Extensões do Chrome para SEO

Segundo o Stats Counter, o Google Chrome teve um pouco mais de 44% de participação, sendo o navegador mais usado nos smartphones, desktops e tablets, desde Julho de 2008 até Abril de 2015. 

As razões principais dessa popularidade gigante do Google Chrome são o seu estilo e a sua rapidez. 

Com apenas um clique, você pode instalar extensões que te auxiliarão a ter uma produtividade maior. Confira algumas extensões:

Evernote Web Clipper

O Evernote tem ótimas funcionalidades de anotações e salva artigos para ler mais tarde, além de permitir editar imagens e anotações de software (Skitch). Ele está localizado no lado superior direito do Chrome

Pocket

Essa é outra ferramenta útil para salvar artigos e vídeos para serem vistos mais tarde. Como o web clipper, o pocket também tem a funcionalidade de adicionar tags para ajudar em uma exploração mais fácil e na recuperação de histórias.

Além do mais, os seus artigos e vídeos vão estar disponíveis em qualquer aparelho (que você tiver sincronizado) para uma leitura posterior. 

Keyword Surfer

Com essa plataforma você consegue visualizar o volume de busca das palavras diretamente da página de resultados do Google sem precisar entrar em qualquer aplicativo.   

Moz

Por fim, a Moz criou uma extensão do Chrome chamada Mozbar, que te mostra a autoridade de domínio de qualquer página da web.

Essa extensão permite que você pesquise concorrentes em potencial, mostrando rapidamente como você está em comparação com eles, e, quando estiver no site, você consegue identificar facilmente as páginas de maior autoridade que você precisa analisar.

Métricas de SEO

Ao fazer um trabalho de SEO é muito importante acompanhar as principais métricas. Todos os dados coletados ajudam a mensurar o que acontece em um site e, por meio deles, é possível  direcionar as ações e os próximos passos. 

Uma das principais ferramentas usadas pelos profissionais de SEO para mensurar os acessos de um site é o Google Analytics. Caso você ainda não utilize esta ferramenta, vou deixar o link para que você possa acessar o Google Analytics e criar sua conta gratuitamente.  

Depois que analisar as métricas de SEO, você tem uma visão geral dos resultados de seus esforços, permitindo que você demonstre o impacto que está tendo e, ao mesmo tempo, identifique quaisquer problemas antes que eles se agravem. 

Vou te mostrar alguns KPI que você pode medir, acompanhe.

ROI

O objetivo de uma estratégia de SEO é gerar um retorno sobre o investimento (ROI). Esse retorno pode ser um investimento em equipe e recursos internos ou em uma agência. Basicamente, é você receber mais dinheiro de volta do que você gastou.

Sendo assim, monitorar ROI de suas atividades de SEO é essencial pelo simples motivo de que é a melhor medida de sucesso que existe – ter mais dinheiro no banco do que você está gastando.

Conversões

Medir e acompanhar conversões orgânicas (vendas e leads) é uma ótima maneira de demonstrar sucesso. Um aumento nas conversões orgânicas pode ser facilmente atribuído aos seus esforços. 

Para rastrear as conversões você pode usar o Google Analytics. Nele é possível escolher metas para conversões de leads e rastrear vendas por canal. 

Visibilidade e sessões orgânicas

A visibilidade orgânica é um KPI que você pode medir e documentar. Para isso, você pode analisar o crescimento nas impressões do Google Search Console. 

Essa é a forma perfeita de mostrar o crescimento contínuo da visibilidade, já que as impressões mostram as pesquisas para as quais seu site estava visível, mesmo que elas não resultassem em cliques.

Dessa forma, o crescimento nas impressões orgânicas deve resultar em um aumento nas sessões orgânicas. É aqui que você pode começar a demonstrar um impacto real de sua estratégia de SEO. 

Essa é, provavelmente, uma das métricas de SEO mais importantes, pois uma vez que seus esforços tenham efeito, isso significa tráfego orgânico. 

Taxa de rejeição

Outro KPI é a taxa de rejeição. Essa é uma métrica importante para saber se o seu conteúdo está atraindo aqueles que chegam na sua página. 

Ela também pode ser uma ótima maneira de entender o quão relevante é para as consultas de pesquisa para as quais está ranqueado.

Palavras-chave

De mesma forma, essa é uma métrica extremamente útil para mostrar o desempenho do seu site, pois, ver suas palavras-chave principais subindo nos ranqueamentos significa que sua estratégia está começando a funcionar.

Backlinks

Os backlinks são um dos principais fatores de rankeamento. Sendo assim, você saber como obter novos links e encontrar links com defeitos. 

Tempo médio na página

Quanto mais tempo um usuário passa em uma página, mais engajado ele fica. Logo, são maiores as chances dessa pessoa converter. Por isso você precisa medir o tempo médio que as pessoas ficam em sua página e pensar em maneiras de aumentar essa métrica.   

Velocidade da página

Primordialmente, a velocidade do seu site é algo que pode impactar negativamente os ranqueamentos – e consequentemente as conversões. Portanto, vale a pena ficar atento a isso.

Como gerar leads com SEO?

Antes de responder essa pergunta, é importante reforçar que o SEO vai ajudá-lo a aumentar a visibilidade da sua página e, portanto, aumentar o tráfego. 

Sendo assim, existe um maior potencial de geração de leads e aquisição de clientes.

Pensando nisso, separei algumas estratégias para você usar e gerar leads com SEO, veja: 

Aplicando essas estratégias, seu site terá uma visibilidade melhor e poderá gerar mais leads!

Google Discovery

O Google Discover é um recurso do Google para celulares e tem como objetivo trazer sugestões de leitura de acordo em formato de feed e com as preferências do próprio usuário. 

Em dispositivos móveis, o recurso pode ser acessado pelo app do Google (Android | iOS) ou na página inicial do Chrome. 

A principal diferença entre os dois é que, na pesquisa, é necessário digitar um termo para acessar conteúdos relacionados. Já o Discovery oferece resultados com base em tendências de pesquisa e interesses do usuário. 

A ferramenta valoriza conteúdos recentes e abre espaço para materiais considerados úteis.

Google News

Se você tem um portal de notícias, certamente quer estar entre os principais resultados do Google News

O Google News é uma ferramenta do buscador que seleciona as principais manchetes de um determinado assunto para deixar o seu leitor bem informado. 

Trata-se de um mecanismo que facilita a visualização de notícias no buscador e seu diferencial é que ele apresenta manchetes de diferentes portais e, da mesma forma dos resultados de buscas orgânicas, filtra por meio de um algoritmo as páginas qualificadas para o que o leitor deseja saber.

Demais, né?

Google Web Stories

Os Web Stories são como os Stories do Instagram e exibem as informações de forma fácil e rápida de entender.

Possuem estilo de carrossel e, geralmente, aparecem para os usuários que usam o Google no celular. Como a maioria das pessoas consomem notícias pelo celular, o Google Web Stories pode ser uma ótima fonte de tráfego para o seu site ou blog!

O principal ponto forte são as imagens que preenchem a tela do celular e deslizam na horizontal para navegar – assim como no Instagram.

Além disso, os Web Stories podem ter textos para complementar a experiência do usuário. 

AMP

A AMP, ou Páginas Móveis Aceleradas, é um dos fatores de rankeamento do Google, pois melhora a velocidade e, consequentemente, a experiência do usuário.

Nesse sentido, a configuração de AMPs pode ser muito vantajosa para seu site! 

Basicamente, a AMP é uma tecnologia do Google para acelerar o carregamento de sites. 

Ela tem como objetivo criar um padrão de páginas da web que podem ser abertas por celulares de forma muito mais rápida que o comum sem precisar de uma internet mais veloz. 

Entendendo SEO a fundo

Entenda a fundo as estratégias e técnicas que vão melhorar o posicionamento do seu site!

SEO On-page (On-site)

O SEO On-Page são todas as estratégias e otimizações feitas dentro de uma página. Aquelas que já citei acima, como palavra-chave no título e subtítulo, otimização das imagens com ALT e legenda.

Também se aplica à arquitetura da informação, meta-tags e a escolha da URL mais adequada. Ou seja, quando você aplica todas as estratégias de SEO em seu conteúdo é SEO On-Page.

Checklist para SEO On-Page

Veja esse checklist para fazer um bom SEO On-Page:

Título: O Título da Página (“title”) não é obrigatoriamente o título do artigo ou o que o nome da página para os visitantes. Na verdade é uma propriedade do código HTML, identificada por meio da frase que aparece na aba do navegador ou na página de resultados do Google. Quando estamos falando sobre SEO On-page, o Título da Página é o elemento mais importante de todos.

Meta Description: É um código inserido na página que não interfere no fator de rankeamento. Ou seja, as palavras-chave que estão na descrição não serão as responsáveis por melhorar ou piorar o posicionamento de uma página no Google. Seu objetivo é mostrar para o usuário o que a página aborda e convencê-lo de que vale a pena clicar no link para ler o conteúdo. Assim, preencher a Meta Description com um texto atrativo pode aumentar – e muito – a taxa de cliques quando seu site aparecer entre os resultados. Por isso é uma otimização de SEO On-page importante.

URL: Outro elemento que o robô do Google faz a varredura de palavras-chave é o próprio endereço da página. Portanto, é essencial que sua URL seja descritiva e que contenha a palavra-chave escolhida. Por exemplo: “http://site.com.br/nome-do-post”. 

Imagens: Existem, basicamente, 3 itens que sempre devemos analisar nas imagens de uma página quando estamos falando de SEO On-page: o nome do arquivo; o texto alternativo (alt text); o tamanho do arquivo (peso) e o contexto. Esses itens são responsáveis por ajudar o Google a determinar qual é o assunto da imagem inserida naquela página.

Headings: Os headings são elementos que indicam a prioridade de algumas partes da página sobre outras, variando entre H1 e H6, sendo H1 o conteúdo mais importante. Os Headings são indicados por códigos <h1>, <h2>, <h3>, <h4>, <h5> e <h6>. Na maior parte dos casos, o H1 é destinado ao título da página, e os outros códigos para subtítulos, mantendo uma hierarquia de prioridades importante para o robô do Google.

Linkagem interna: Toda a internet é composta por links e os usuários navegam o tempo todo por eles, assim como os robôs de cada motor de busca. Por isso o seu site precisa possuir uma linkagem interna bem aplicada.

Sitemap.xml: Existem muitas ações que podem ser realizadas em sites que facilitam a leitura e interpretação do site para os robôs dos motores de busca. Uma importante ação é a criação do sitemap.xml, que é um arquivo voltado especialmente com o objetivo de fazer com que o buscador encontre mais páginas do seu site. 

SEO Off-page

Agora que você já aprendeu sobre o SEO On-Page, vou te explicar sobre o SEO Off-Page. Ele é um conjunto de estratégias aplicadas fora das suas páginas que tem o objetivo de demonstrar a sua relevância no mercado. Assim, é possível melhorar o seu posicionamento nos mecanismos de busca.

Para o Google, não basta apenas encontrar os seus conteúdos, entender sobre o que eles falam e analisar como as páginas são estruturadas. Ele também quer saber como o site se relaciona com o restante da web.

Mas como fazer isso? É relativamente simples: você precisa receber links e menções de outras páginas e, se elas forem relevantes e confiáveis, mais pontos o seu site vai ganhar com o Google. 

A lógica por trás disso é a seguinte: as pessoas só compartilham e referenciam aquilo que realmente tem qualidade e oferece algum valor para elas, certo? 

Para o buscador, os links e menções que um site recebe mostram o que os outros sites pensam sobre ele. E isso é um forte indicativo da sua relevância para o mercado, o que é determinante para a classificação no ranking do Google.

SEO Técnico

Já falamos sobre SEO On-Page e Off-Page e para completar vamos falar sobre o SEO Técnico.

Ele é o conjunto de otimizações relacionadas à estrutura interna de um site. Ou seja, a intenção aqui é que as páginas se tornem mais rápidas, compreensíveis, rastreáveis e indexáveis — o básico para que todo o restante da estratégia de SEO funcione.

Ele faz parte do SEO on page, que representa as otimizações que estão sob seu controle, dentro das suas páginas.

Esse tipo de SEO é o princípio de toda estratégia de otimização para mecanismos de busca. Dessa forma, é por ele que você deve começar, pois essa parte da otimização garante que os seus links sejam encontrados e indexados no diretório do Google.

Abaixo cito quais são os principais fatores do SEO Técnico que você precisa otimizar para ter bons resultados, confira: 

Core Web Vitals: O que são e como usá-las a seu favor?

O Google Core Web Vitals são três métricas específicas relacionadas ao desempenho do seu site e à experiência do usuário. 

Já falei aqui que a experiência do usuário é essencial e na Core Web Vitals esse é o principal ponto a ser considerado, Isso está relacionado à velocidade, capacidade de resposta e estabilidade visual. 

Essa métricas são um fator de classificação de experiência vital para as páginas de resultados de pesquisa do Google. Além disso, também ajudam a aumentar as taxas de engajamento e reduzir as taxas de rejeição, garantindo uma boa experiência ao usuário.

Viu como tudo gira em torno da experiência do usuário? Se atente a isso! 

E-A-T: Como usar a experiência do usuário a seu favor?

E-A-T significa “Expertise, Authoritativeness and Trust”, ou Expertise, Autoridade e Confiabilidade. 

O conceito faz parte das diretrizes de avaliação de qualidade do Google, sendo considerado um provável e importante fator de rankeamento para muitos sites, pois aumenta as chances de ter mais tráfego.

Você pode usar o E-A-T pensando em como entregar o melhor resultado para os usuários.

O que é SEO Semântico?

SEO semântico é a prática de otimizar conteúdos online por meio de estratégias que definem um campo semântico.

Ele conecta dados, informações e conteúdos para que o seu site faça sentido dentro deste contexto. 

O principal objetivo é tornar a interação com os usuários menos mecânica e mais ligada a contexto. 

Dessa forma, a aplicação desse recurso traz benefícios para os dois lados: o Google consegue oferecer resultados de pesquisas mais alinhados com o que o usuário quer, enquanto essa pessoa, ainda que não detalhe tanto sua busca, encontra aquilo que estava procurando.

Por isso é tão importante entender o que é SEO Semântico e como usá-lo.

Como capturar a intenção de busca do usuário?

Toda pesquisa carrega a intenção de resolver uma dúvida. Porém, essas intenções nem sempre são evidentes, visto que cada pessoa usa diferentes palavras para tentar encontrar uma resposta.

É por isso que os buscadores dispõe de grandes esforços para entender a linguagem humana e desvendar a intenção de busca das pessoas. 

Com essa compreensão, os robôs podem buscar no índice os conteúdos que atendem às necessidades da pessoa que buscou. 

Devido a isso, a intenção de busca é importante, pois revela qual é a dúvida do usuário quando ele digita um termo na caixa de pesquisa.

A intenção de busca se divide em três quatro tipos:

A seguir, vou te apresentar um pouco mais sobre cada uma delas. 

Busca informacional

A busca informacional é aquela que tem como objetivo saber mais sobre um assunto ou sanar dúvidas. Basicamente é buscar mais informações sobre algo. 

Os artigos SEO são criados, quase exclusivamente, para essa intenção, atraindo usuários em diferentes etapas do funil de vendas.

Um bom exemplo dessa pesquisa é quando um usuário busca “o que é uma faca”. A resposta que o usuário quer é entender do que se trata essa ferramenta. 

Busca navegacional

Esse tipo de busca é caracterizada pela intenção do usuário de encontrar uma página específica da web. 

Um bom exemplo são os nomes de empresas. Quando um usuário pesquisa, por exemplo, “Dior”, o resultado que ele espera é o site oficial da empresa e a ficha do Google Meu Negócio.

No entanto, buscas navegacionais também podem ser mais abrangentes, mas com o mesmo objetivo. 

Busca transacional

Por último, a busca transacional, que ocorre quando é identificada uma intenção de compra por parte do usuário. 

Nessa pesquisa não há uma clara manifestação do produto específico ou fornecedores, colocando o usuário na etapa de consideração na jornada do cliente. 

Ou seja, ele quer realizar a compra, mas ainda está comparando diferentes modelos, fornecedores ou características de produtos. 

É o caso da intenção detectada pelo Google para a busca por “melhores facas”, por exemplo. 

Busca comercial

A busca comercial ocorre, normalmente, após a busca transacional. É quando o cliente quer, de fato, comprar um produto ou contratar um serviço. 

É aqui que o Google identifica que o usuário que realiza uma busca por “facas” com uma intenção de busca comercial. 

Para entender a intenção de busca do consumidor é preciso se colocar no lugar dele e tentar compreender qual é o seu propósito ao realizar a busca

Como fazer auditoria técnica de SEO?

Fazer auditoria de SEO no seu site não é uma opção, é uma necessidade. Por isso, se você quer saber como fazer uma Auditoria de SEO, continue lendo. 

Esse é o processo de identificação de problemas ou erros que podem impedir que seu site seja classificado no Google e em outros mecanismos de pesquisa.

Para fazer uma auditoria de SEO, o SEMrush fez um guia muito fácil e intuitivo, veja:

SEO para dispositivos móveis (Mobile SEO)

O Mobile SEO propõe uma verdadeira “repaginada” nos sites que precisam se adaptar ao novo padrão de comportamento dos usuários da internet. Afinal, o celular se tornou uma peça essencial na rotina das pessoas.

Essa técnica inclui ajustes nos códigos HTML, CSS e JavaScript das páginas a novos parâmetros no planejamento e na produção de conteúdos.

É importante ressaltar que diferentemente do que muitas pessoas pensam, ter um site responsivo não é o suficiente – embora esse também seja um dos fatores analisados em uma estratégia de Mobile Marketing.

Alguns itens essenciais do SEO para dispositivos móveis que você precisa ficar atento:

SEO Local

Você certamente já pesquisou um produto ou serviço usando os mecanismos de busca, certo?

Esse é um comportamento cada vez mais comum e, pensando nisso, muitas empresas têm buscado se posicionar para que seus sites sejam localizados e estejam nas primeiras posições. 

E é aí que entra a necessidade do SEO local! 

A geolocalização é fundamental para a sobrevivência de empresas que dependem de estabelecimentos físicos, como restaurantes, lojas, consultórios, petshops, entre outros.  

Nesse sentido, o SEO Local visa a otimização nos mecanismos de busca levando em consideração a geolocalização (Google Maps, por exemplo). Também é considerado outros recursos, como as redes sociais, para que o usuário ache uma solução perto do local onde ele está.

Para fazer SEO Local é recomendado usar a ferramenta Análise de Sites, que ajudará você a analisar o desempenho do seu site e SEO. 

Mas também deixarei um Passo a Passo para que você faça agora:

  1. Crie um Google Meu Negócio. Clique aqui
  2. Esteja presente nas redes sociais do segmento
  3. Faça parcerias com blog locais 
  4. Produza conteúdos interessantes
  5. Incentive seus clientes a avaliarem seu negócio
  6. Veja se seus dados estão corretos em todos os lugares

Além desses passos, a construção de autoridade é essencial para que sua empresa atraia mais clientes e eles se tornem fiéis. Para isso, você pode criar um blog próprio e desenvolver conteúdos locais que ajudem as pessoas. 

Fazer um SEO Local é muito importante e possui diversas vantagens, como:

Se você tem um negócio, colocar o SEO Local em prática e criar uma estratégia de presença online é indispensável – mesmo que o foco do seu negócio seja o público que está geograficamente mais próximo.

Ignorar esse aspecto pode levar você a perder grandes oportunidades para a sua marca e torná-la uma referência. Não é algo que você quer, não é?

Então, coloque em prática as dicas deste texto e veja os resultados surgirem!

SEO para Afiliados

A gente conhece o mercado de afiliação como um mercado voltado para tráfego pago. E se eu te contar que existe um mar de possibilidades para quem deseja fazer SEO voltado para afiliação? Porém, tem um detalhe, não adianta achar que vai subir um texto hoje e vai começar a vender. Eu levei 18 meses para ver a minha primeira venda como afiliado usando tráfego 100% orgânico. Então tive que ter paciência e fazer muita otimização.

Sobre SEO para Afiliação eu destaco os seguintes pontos:

Com esses dois pontos, paciência e criatividade dá para fazer muita coisa. Hoje eu vendo diariamente no orgânico usando SEO para Afiliados.

SEO para Startups

Para criar autoridade em um negócio, é ideal usar estratégias de SEO para Startups para melhorar o posicionamento em um site, estar nas primeiras páginas dos buscadores e gerar vendas. 

É por meio destas estratégias, aliadas a um bom conteúdo, que as empresas conseguem ganhar relevância nos mecanismos de busca e, consequentemente, novos clientes. 

Aplicar essas estratégias em sua Startup tem uma variedade de vantagens que você não gostaria de perder, veja algumas delas:  

É possível mensurar o tráfego e as conversões geradas por um bom SEO

Dessa forma, você conseguirá avaliar quantos cliques o seu site teve no mês atual comparado ao mês anterior, e assim descobrir se as alterações em um determinado texto, por exemplo, foram eficazes ou não. A partir disso você poderá criar estratégias para resultados melhores.

Não tem gastos elevados

Fazer SEO é relativamente barato se comparado ao que a sua startup gastaria com anúncios. E ele continua gerando frutos conforme você for otimizando. Já os anúncios são gastos que você teria que fazer frequentemente e se você parar de investir eles param de gerar resultados.

Ter uma pessoa especializada em SEO pode trazer enormes benefícios para a sua startup 

Esses profissionais ficam de olho nas tendências de busca do mercado e já conseguem ir adaptando o seu conteúdo de acordo com essas tendências. Um exemplo é a busca por voz, que demanda um conteúdo totalmente diferenciado. Afinal, falamos de uma forma e escrevemos outra.

O monitoramento constante do algoritmo é outra vantagem de ter um bom SEO

O Google está sempre alterando o algoritmo e, por isso, ter pessoas focadas nessas alterações vai fazer com que seu conteúdo seja melhor e fique em posições maiores no buscador. 

Consequentemente, a sua startup estará sempre bem posicionada. 

O tráfego gerado por SEO tende a converter mais

Para dizer a verdade, a melhor fonte de conversão para a maioria dos negócios são os sites bem posicionados no Google. Portanto, estar bem posicionado para palavras-chave importantes do seu negócio pode trazer novos clientes.

SEO gera confiança e credibilidade

Se a sua startup aparecer em primeiro lugar, as pessoas acreditarão que ela é a melhor na área. E o melhor quase sempre vende mais. 

Agora que você já sabe que o SEO é de extrema importância para a sua Startup, que tal aplicar essas estratégias? 

SEO para Alexa (VSO – Voice Search Optimization)

Você já pensou em como fazer SEO para Alexa? A busca por voz se tornou muito popular nos últimos anos e você com certeza já viu ou ouviu uma alexa, né? 

A Alexa serve para te auxiliar no dia a dia e tem funções de pesquisas no Google e músicas no YouTube e o comando dela é muito simples: basta você dizer o que quer.

Devido a esse novo comportamento do usuário de buscar por voz, novas ferramentas de marketing surgiram para se adaptar a essa nova realidade e uma delas é o Voice Search Optimization, também conhecido como VSO.

Essa ferramenta surgiu por conta do expressivo crescimento de pesquisas realizadas por voz em dispositivos móveis. 

Assim como existe o SEO para textos, agora também existe o VSO, mas a diferença é que todo o estudo é realizado a partir de características da pesquisa por voz – já que a forma como falamos é diferente de como nos expressamos digitando.

Mas afinal, como são feitas as buscas por voz?

Essas buscas são mais rápidas, mais práticas e, a depender da situação, mais úteis. 

Para otimizar o SEO para Alexa você precisa entender como o seu consumidor se relaciona com as buscas e dispositivos. É muito importante que você foque em palavras conversacionais e palavras-chave de cauda longa para se aproximar do cliente.

Uma boa estratégia é criar uma página de FAQ respondendo as principais questões buscadas relacionadas ao seu produto. 

Para isso, gere conteúdos que tenham respostas rápidas. Um bom exemplo são os vídeos de tutoriais no YouTube que geralmente são rápidos.

Com a crescente preferência por interações rápidas e cada vez mais móveis, fazer o SEO para voz do seu site não é mais um diferencial, mas uma necessidade!

SEO para e-commerce

O SEO para E-commerce é um conjunto de técnicas e estratégias para ficar melhor posicionado nos mecanismos de busca e crescer. 

Sendo assim, podemos definir SEO para e-commerce como o processo que vai desde o planejamento à implementação de otimizações de sua visibilidade orgânica. 

O resultado é mais reconhecimento de marca, aumento de tráfego e, por consequência, mais negócios.

Para desenhar uma estratégia de SEO, é interessante que você estude e tenha em mente as principais características de todo o seu mercado de atuação.

Afinal, o foco do SEO para e-commerce deve ser o cliente porque o Google prioriza quem oferece a melhor experiência para o usuário

Isso ajudará a identificar quais são as suas oportunidades de otimização, pois tudo partirá de uma visão integral dos principais pontos do seu negócio, interna e externamente.

E quais são as estratégias de SEO para e-commerce?

Dentre as estratégias de SEO para e-commerce, é primordial que você comece fazendo uma boa pesquisa de palavras-chave, pois é ela quem guiará toda a sua estratégia e o ajudará a estabelecer objetivos ao longo do caminho.

Após isso, produza bons conteúdos que sanem dúvidas dos clientes e mostre oportunidades. Você pode criar um blog para isso.

Por fim, aplicando as estratégias básicas de SEO já citadas, seu e-commerce alcançará resultados melhores!

SEO para Empresas B2B

A estratégia de SEO para empresas B2B tem como objetivo aumentar o tráfego e posicionamentos em mecanismos de pesquisa orgânicos. 

Para isso, é importante que sua empresa tenha um site para que outras empresas que estejam em busca do seu serviço ou produto te encontrem.

Com um site em mãos, é preciso criar uma estratégia sólida para o seu negócio. Em SEO para empresas B2B você pode aplicar essas 7 etapas:

Seguindo esses passos, sua empresa estará otimizada para SEO e poderá ser encontrada por mais pessoas.

SEO para Blogs

Usar estratégias de SEO para Blogs é indispensável se você quer que o seu site seja mais visível para quem está procurando palavras-chave associadas à sua marca, produto ou serviço por meio de mecanismos de pesquisa como o Google.

Se você não sabe por onde começar, eu te ajudo! Acompanhe:

  1. Concentre-se em uma ou duas palavras-chave de cauda longa e inclua elas em partes específicas do seu post.
  2. Otimize seu blog para dispositivos móveis, pois as pessoas consomem mais conteúdos pelos celulares.
  3. Coloque sua palavra-chave na meta descrição e nas imagens para que você tenha mais chances de aparecer no Google.  
  4. Crie links internos quando possível e sempre atualize o seu conteúdo. Além disso, é importante que você sempre veja quais são os tópicos mais perguntados no Google e responda eles em seu texto.
  5. Acompanhe os resultados pelo Search Console do Google e sugira melhorias!

Viu como é fácil fazer um bom SEO para Blogs? Claro que existem outras estratégias de SEO e você pode consultá-las neste post mesmo.

SEO para Sites em geral

Você já deve ter notado que o Google e outros buscadores se tornaram grandes outdoors digitais para as empresas, certo? Hoje, é impossível fazer uma estratégia de marketing de conteúdo sem pensar em SEO. 

Portanto, assim como existe essa necessidade, existem diversas ferramentas de SEO no mercado para ajudar você a otimizar seu site.

Para ter um site de sucesso é importante acompanhar as tendências e novidades do mercado para aplicar melhorias quantas vezes for necessário.

Conheça agora um pouco mais sobre alguns tópicos importantes para o SEO em sites em geral:

Título

O título é considerado (de longe) o atributo de maior influência para as técnicas de SEO para sites, pois o algoritmo do buscador tem o propósito de destacar a relevância do tema digitado na caixa de busca com os conteúdos dos sites apresentados nos resultados. 

Assim, ele consegue oferecer ao usuário uma melhor experiência no processo de busca.

Para se otimizar a title tag, você pode usar parâmetros importantes como:

Link Building

Se o atributo anterior é considerado o mais importante, este é, sem dúvidas, o que exige mais cuidado e critério em sua elaboração. Entretanto, é o que pode trazer mais resultados.

Assim como o título, ele também é responsável pelo posicionamento do site no ranking, destacando a relevância e a popularidade de um site. 

E, para que um link seja realmente eficiente, é necessário ter cuidado com fatores como a palavra-chave do texto âncora.

A qualidade e a quantidade são outras duas características necessárias para se obter um perfil funcional de link. Conheça mais sobre estes dois itens:

Qualidade dos Links

O nível de qualidade de um link pode ser medido por meio de vários fatores, sendo que o texto âncora é um dos principais. É ele quem define o assunto principal da página à qual o link se refere. Logo, os melhores links são aqueles naturais, pois mecanismos de busca possuem recursos para identificar os links que atingem métricas altas.

Quantidade de Links

Ter quantidade de links consiste em diversidade de tipos de domínio de links e de domínios que linkam para o site. O importante é combinar a quantidade de links com a diversidade de conteúdos, todos com conteúdos relacionados.

Aqui, o fundamental é que o foco esteja no seu usuário. Sendo assim, é preciso estar atento a intenção dele no momento da busca. 

Coloque essas 3 dicas em prática e aguarde os resultados, porque com certeza eles vão te surpreender!

SEO para Wix

Se você quer colocar o SEO para Wix em prática, continue lendo esse post.

Otimizar o seu SEO para Wix é garantir a excelência da experiência dos usuários. Por isso, você precisa ter páginas limpas, sem excesso de informação e que dêem ao leitor exatamente o que ele quer. 

Nesse sentido, é importante prezar pelo tempo de abertura do site para manter a atenção do visitante.

Além de proporcionar uma navegação rápida e eficiente, é fundamental cumprir os critérios avaliados pelo algoritmo do Google e fazer uso inteligente de palavras-chave. Afinal, esses termos são responsáveis por levar o visitante até um conteúdo específico e, por isso, devem ser empregados de forma estratégica.

Sendo assim, se você usa um blog para compartilhar seus conteúdos, inclua a palavra-chave em locais importantes, como os parágrafos iniciais dos textos, os títulos e os subtítulos

Mas lembre-se: a prioridade deve ser, sempre, entregar um conteúdo para o usuário.

Outro fator fundamental é a otimização dos seus títulos e meta descriptions. Eles são responsáveis por resumir brevemente ao usuário do Google o que ele vai encontrar no conteúdo. 

O próprio Wix permite a edição dessas funcionalidades, basta ir nas configurações da página e clicar em “page SEO”.

Seguindo as dicas do SEO do Wix seus resultados nas buscas irão melhorar muito!

SEO para Jornalistas

O SEO para jornalistas é muito importante, pois a informação precisa chegar ao maior número de pessoas. 

É isso que todo profissional ou veículo de jornalismo almeja — e esse é um dos principais objetivos do SEO para jornalistas.

Uma das grandes fontes de informação atual é o Google, e, por isso, jornalistas e veículos de credibilidade precisam fazer um bom SEO para aparecer na primeira página no mecanismo de busca mais usado do mundo.

E o SEO para jornalistas pretende que as páginas de profissionais e veículos de jornalismo conquistem essas posições. 

Sendo assim, o SEO para jornalistas traz uma série de benefícios para a sobrevivência e a competitividade dos veículos de comunicação, como: 

Se você quer que seu site tenha todos esses benefícios, faça SEO!

SEO para Landing Pages

Você sabia que as duas métricas mais importantes para analisar em uma Landing Page são tráfego e conversão? Isso quer dizer que, para gerar Leads, você precisa atrair pessoas interessadas até a sua Landing Page.

Depois que elas chegam, você precisa demonstrar o benefício da oferta para convencê-las a trocar seus dados pessoais pelo material oferecido.

E qual a melhor forma de fazer isso? 

Sim, pelos motores de busca! E eles se destacam por um motivo muito claro: oferecem tráfego qualificado e no momento certo em que a pessoa está buscando pela informação.

Por isso, otimizar sua Landing Page para estar entre os primeiros resultados do Google significa que o visitante precisará percorrer menos passos até converter e se tornar um Lead

Dessa forma, oferecer diretamente um conteúdo rico pode aumentar bastante a sua taxa de conversão!

Para alcançar esse objetivo, aplique as estratégias de SEO em suas Landing Pages.

SEO Internacional

SEO internacional trata-se de práticas que podem levar um site baseado em um país a se destacar para usuários de outros países ou falantes de outros idiomas. 

Essa estratégia pode oferecer uma forma escalável e com bom custo-benefício de crescer e alcançar o mercado-alvo estrangeiro.

Para isso, adicione em sua estratégia de SEO palavras-chave entre regiões, conteúdos originais e de qualidade entre países, site Mobile Friendly, atributo Hreflang e monitore e meça seus resultados. 

Você verá que adicionando essas pequenas coisas, seu site terá um alcance maior. 

SEO para a App Store e Play Store

Você já ouviu falar em ASO? É uma estratégia de otimização para aplicativos assim como o SEO é para o Google.

A ideia do ASO é preparar o seu app para aparecer em destaque nos rankings das lojas de aplicativo e conquistar a atenção dos usuários em meio a tantas outras opções de diversas categorias.

Os princípios básicos do App Store Optimization são diferentes do SEO comum e é importante que você saiba diferenciá-los:

Como você pode notar, é muito importante fazer ASO no seu aplicativo para que ele se destaque entre os demais e seja o mais baixado. 

SEO para um site novo

Quando a gente começa um site novo, é muito importante fazer todos os ajustes necessários para deixar o site “redondo” para os motores de busca. Dentre os principais pontos que destaco que você precisa fazer.

  1. Escolha palavras-chave relevantes: Escolha palavras-chave relevantes para o seu site e inclua-as no título, meta descrição e conteúdo do seu site.
  2. Otimize o conteúdo: Certifique-se de que o conteúdo do site é relevante e útil para o público-alvo. Use títulos e subtítulos para tornar o conteúdo fácil de ler e escaneável.
  3. Use técnicas de link building: Obtenha links para o seu site de outros sites relevantes, como blogs e outros sites da sua indústria. Isso ajudará a melhorar a autoridade do seu site e aumentará sua visibilidade nos motores de busca.
  4. Use o Google Analytics: Instale o Google Analytics no seu site para acompanhar o tráfego e as principais palavras-chave. Isso ajudará a identificar quais páginas estão funcionando bem e quais precisam de melhorias.
  5. Faça otimização de mídia: Adicione imagens e vídeos otimizados para os motores de busca para atrair mais tráfego para o seu site.
  6. Faça análise de concorrentes: Analise o que os seus concorrentes estão fazendo e veja como você pode se diferenciar e melhorar.
  7. Faça testes A/B: Teste diferentes títulos, descrições e layouts para ver qual funciona melhor.

SEO e Java Script para aplicações Web

Se você faz parte de um time que está desenvolvendo uma Aplicação Web, ou até mesmo um site, você precisa entender o que é Java Script e saber se o site será feito em Java script.

Esse assunto podemos aprofundar bastante, mas vou tentar resumir para facilitar ao máximo para você.

  1. O que é Java Script?
  2. Como saber se um site é feito em Java script?
  3. Como identificar o que o Google vê de um site Java script?
  4. Como conversar com o time de Tecnologia e explicar para eles a importância de uma renderização específica para o Google?

Updates do Google (atualizações do algoritmo)

Grandes updates no algoritmo do Google sempre movimentam a comunidade SEO. 

Para quem trabalha na área, é inevitável discutir quais serão as implicações para os sites em geral, quais otimizações devem ser feitas e quais estratégias precisarão ser mudadas. 

Os Updates do Google são normalmente acionados após a utilização por usuários reais encontrarem dificuldades ou bugs – é nesse momento que aparecem as oportunidades de melhora.

Por isso, é importante que você acompanhe os Updates do Google e troque informações com outras pessoas da comunidade de SEO para, assim, encontrar oportunidades e traçar novas estratégias.

Quais são os updates do Google?

O último Core Update aconteceu há 6 meses e ficou conhecido como May 2022 Core Update. Ele teve como objetivo tornar os resultados da pesquisa mais úteis para os usuários e foi o primeiro Core Update de 2022. 

Em 2021, foram lançados três Core Updates: November 2021 Core Update, July 2021 Core Update e June 2021 Core Update.

No ano de 2020 também houveram três grandes mudanças: December 2020 Core Update, May 2020 Core Update e January 2020 Core Update.

Onde acompanhar os updates do Google?

Para garantir que você saiba quais são as atualizações mais recentes, o Google Chrome poderá ser atualizado automaticamente quando uma nova versão do navegador estiver disponível no dispositivo. Mas, caso essa opção não esteja ativada, você pode acompanhar se há uma atualização pendente pelo próprio Google Chrome na aba de notificações.

SEO não é só Google

Como você pode notar neste artigo, o SEO não é só para o Google. Ele também pode ser as redes sociais que você usa, para o negócio que você consome ou até mesmo na hora de tirar uma dúvida com a Alexa.

SEO é um fator essencial quando falamos em ser encontrado e, como dito nos primeiros parágrafos desse texto, se você não é encontrado, não existe.  

E é por isso que o SEO está em todos os lugares e é tão importante em uma sociedade conectada.

Veja abaixo outros locais que você pode (e deve) usar SEO:

SEO para Youtube

Não basta apenas postar um vídeo legal. Você precisa entender de SEO para que seu vídeo tenha um bom alcance. 

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, o Youtube também funciona como um buscador e, portanto, também precisa de otimização.

Sendo assim, conhecendo as estratégias certas de SEO para Youtube, você conseguirá ter um bom posicionamento no ranking dessa plataforma e, consequentemente, aumentará os seus views. 

O objetivo do SEO para Youtube é simples: entregar uma experiência de usuário cada vez melhor para todos. 

Por isso, é importante que o seu canal e os seus vídeos estejam otimizados para SEO. Afinal, é dessa forma que o Youtube vai entender que o seu conteúdo é de qualidade e que ele merece ter destaque.

Se é isso que você procura, aplique essas técnicas de SEO para Youtube:

O segredo para fazer um bom SEO para Youtube é mirar na experiência do usuário, pois o algoritmo valoriza isso e reconhece os seus esforços de otimização.

SEO para Bing

Se você quer se diferenciar em meio a tantos outros sites, investir em técnicas de SEO para Bing pode ser uma boa. 

Apesar de não ser tão popular quanto o Google, o Bing vem se tornando cada vez mais relevante e ainda tem algumas vantagens em relação ao Google que agrada muitos usuários. 

Para se ter uma ideia, o Bing representa 4,57% das buscas realizadas em desktops, tablets e smartphones. E quando falamos apenas nas pesquisas feitas por meio de desktops, o Bing ganha ainda mais relevância: conta com 8,59% do mercado.

Dentre as vantagens podemos citar: recursos populares, menor taxa de rejeição, audiência exclusiva do mecanismo. 

As técnicas de SEO para Bing que você precisa colocar em prática para ter um site otimizado são: 

Agora que você conheceu mais sobre o Bing e da importância de investir em técnicas de SEO, que tal usar o buscador? Ele pode te trazer bons resultados.

SEO para Redes Sociais

O SEO para Redes Sociais é essencial para que a sua empresa tenha uma boa interação com o público, humanize sua marca e gere inúmeras oportunidades para criar engajamento na audiência.

Além disso, as pessoas vêm utilizando as redes como verdadeiros mecanismos de busca e você pode aplicar técnicas de SEO dentro desse universo para que sua empresa seja encontrada.

Siga essas dicas para otimizar suas redes sociais:

Existe, sem dúvidas, uma forte relação entre o SEO e redes sociais. E aí, você está pronto para potencializar seus canais sociais e otimizar sua estratégia de SEO?

SEO para Instagram

O Instagram é, hoje em dia, uma das melhores plataformas online para quem trabalha com marketing. 

Entretanto, de nada adianta estar presente na rede e não saber como explorar o melhor do seu perfil. 

E o SEO para Instagram entra justamente como um ótimo aliado! Quando pensamos no SEO para Instagram, a ideia é trocar o mecanismo de busca do Google para a rede social.

Para isso existem diversas técnicas que podem fazer com que uma foto/vídeo seja mostrada para mais pessoas de maneira orgânica. Como: usar palavras-chave, fazer uma biografia atrativa e usar hashtags.  

São técnicas simples que você pode aplicar em 5 minutos e que irão gerar um ótimo resultado para o seu perfil.

SEO para Amazon

Investir em boas estratégias de SEO para Amazon permite que você potencialize suas vendas e aproveite esse espaço repleto de clientes qualificados e oportunidade de compra. 

Da mesma maneira que outros mecanismos de busca, você pode usar as técnicas de SEO para impulsionar o ranking dos seus produtos no site da Amazon. Incrível, né?

Uma boa forma de fazer isso é por meio de palavras-chave de cauda longa. Assim, tem um potencial maior de compradores encontrarem suas ofertas em pesquisas orgânicas e, posteriormente, aumentar as vendas.

O SEO para a Amazon é bem semelhante às demais técnicas que são feitas para o Google, redes sociais ou qualquer página da web. 

No entanto, a principal diferença está na construção do algoritmo, visto que a Amazon usa diferentes fatores de classificação que estabelecem o valor do seu conteúdo e compara com o que é ofertado pelos concorrentes.

De todo modo, fazer SEO para Amazon te colocará à frente de diversos concorrentes que não fazem e aumenta suas chances de venda!

Indo além no SEO

Agora que você já aprendeu que existem diversos tipos de SEO, as grandes oportunidades que essa estratégia pode proporcionar e como aplicá-la, irei te dar um norte além do SEO. Primeiro, uma lista de grandes especialistas, nacionais e internacionais para acompanhar no Twitter e no LinkedIn:

Especialistas de SEO para seguir no Twitter em Inglês:

Referências de SEO para seguir no Twitter em Português

Referências sobre SEO no LinkedIn em Português

Referências sobre SEO no LinkedIn em Inglês

Referências sobre SEO no LinkedIn em Espanhol

Melhores Livros sobre SEO

Melhores Cursos sobre SEO

Principais Eventos sobre SEO no Brasil (presencial e online)

Principais Eventos internacionais sobre SEO (presencial e online)

Podcasts sobre SEO em Inglês

Newsletters sobre SEO em Inglês

Melhores Agências de SEO do Brasil

Melhores servidores de hospedagem para SEO

Prêmios de SEO no Brasil

Existem dois prêmios principais de SEO no Brasil, que são:

Prêmios Internacionais de SEO

Certificações de SEO

Perguntas frequentes sobre SEO (respostas curtas)

O que é SEO?

SEO é a sigla de Search Engine Optimization (otimização de mecanismos de busca). Trata-se de um conjunto de técnicas usadas para alcançar bom posicionamento de páginas de um site nos buscadores, gerando tráfego orgânico.

Quais ações e técnicas fazem parte do SEO?

Fazem parte do SEO a pesquisa de palavras-chave, conteúdos relevantes, otimização on page e off page, usar tags H1, H2 e H3, texto alt nas imagens, meta description, otimizar URL.

O que são palavras-chave?

Uma palavra-chave é uma palavra que resume os temas principais do texto. Ela identifica ideias e temas importantes para servir de referência a pesquisas.

O que são fatores de classificação do Google?

Os fatores de classificação do Google são critérios que o buscador leva em consideração para posicionar melhor organicamente um site na página de resultados para uma busca de determinada palavra-chave.

Como o Google escolhe quem aparece em primeiro?

O Google escolhe quem aparece em primeiro com base nos seus fatores de classificação. Alguns fatores são as palavras-chave, conteúdos relevantes, link building, otimização de imagens, meta-descrição atrativa, entre outros. Para aparecer em primeiro no Google é preciso realizar uma estratégia de SEO.

O que é a posição zero do Google?

A posição zero é uma caixa — também chamada de Featured Snippets — que fica logo acima do primeiro artigo colocado no ranking de busca orgânica. Ela apresenta respostas objetivas para buscas específicas, com o objetivo de fazer com que o usuário tenha a melhor experiência possível ao utilizar o mecanismo de busca.

Como aparecer em primeiro no Google?

Para aparecer em primeiro no Google é preciso levar em consideração alguns fatores: 

Qual o melhor CMS para SEO?

O WordPress é o melhor CMS para SEO. Isso já é um consenso entre as empresas e os profissionais que trabalham com posicionamento no Google.

WordPress é bom para SEO?

Sim, o WordPress é bom para SEO, pois oferece facilidade para que seus usuários, mesmo que iniciantes, empreguem as melhores práticas de SEO. Além disso, a plataforma conta com recursos que facilitam a otimização dos conteúdos On Page e Off Page.

Wix é bom para SEO?

Sim, o Wix é bom para SEO. Embora o Wix já tenha enfrentado problemas com uma onda de desindexação de sites pelo Google no passado, a ferramenta já passou por muitas atualizações no decorrer do tempo. Tanto que, hoje, a plataforma já conta com ferramentas que ajudam no SEO.

Ferramentas de IA (Inteligência artificial) para SEO?

Aqui estão as ferramentas de IA para SEO: Alli AI, Diib, Squirrl, Linkhunter, escritor zen, hubSpot.

Quais as melhores técnicas de SEO?

As melhores técnicas de SEO são o uso de palavras-chave de relevância, conteúdos inéditos, otimização on page e off page, tags de títulos, text alt e otimização URL.

O que é Slow Content?

Slow Content é uma tendência para o Content Marketing, que visa a diminuição da velocidade na produção de conteúdo. A intenção é priorizar a qualidade de cada material construído, ao invés da quantidade de posts.

Como usar Storytelling com SEO?

Storytelling é a capacidade de contar histórias com o intuito de despertar diversos sentimentos nas pessoas. Aliada ao SEO, suas histórias podem chegar no topo do ranking do Google.

O que é o Google Web Stories?

As Web Stories são cards em formato de stories, como os do Instagram. O objetivo é melhorar a experiência do usuário ao consumir conteúdos na web, principalmente nos celulares.

Como excluir uma página do Google?

De acordo com o suporte do Google, para excluir uma página do Google é preciso seguir esses passos:

  1. No computador, abra um site no Google Sites clássico.
  2. Clique na página que você quer excluir.
  3. No canto superior direito, clique em Mais ações. Excluir página.
  4. Clique em Excluir.

Porque o google reescreve os títulos das minhas páginas?

O Google reescreve os títulos de suas páginas porque acredita que seu algoritmo pode melhorar a qualidade deles.

Como otimizar meu instagram para SEO?

Para otimizar seu instagram para SEO deixe o perfil público, use palavras-chave na bio e legendas, faça links diretos, use o instagram business e suas ferramentas e invista em marketing de influência.

O que faz um profissional de SEO?

Um profissional de SEO é responsável por otimizar todas as páginas do site para que tenham o melhor ranqueamento possível. Ele tem 4 funções principais: pesquisa de palavras-chave, SEO on-page, SEO off-page e análise de métricas.

Quanto ganha um profissional de SEO?

Em média, um profissional de SEO no Brasil ganha R$ 2.578,00 mensais. No entanto, é importante ressaltar que isso dependerá do nível de conhecimento técnico e experiência no mercado de trabalho.

Qual a diferença entre SEO e copywriting?

O SEO é um conjunto de técnicas que ajudam a posicionar cada vez melhor o seu conteúdo nas buscas. Já o copywriting é uma estratégia de escrita que leva o leitor a fazer uma ação específica.

Quais aspectos não impactam no ranqueamento no Google?

Os aspectos que não impactam no ranqueamento do Google são: duração do registro do domínio, integrar o Google Analytics e o Google Search Console no site, nível de leitura, frequência da atualização do site, entre outros

Como fazer um bom SEO para Youtube

Para fazer um bom SEO para Youtube, é importante que você: 

Seguindo essas recomendações o seu vídeo terá uma boa otimização para o Youtube e estará pronto para ser descoberto por quem pesquisar o assunto. 

O que é Web Analytics?

Web Analytics é uma análise de dados digitais para a tomada de decisões mais assertivas. Tem o objetivo de entender e otimizar a experiência dos usuários no site. A ferramenta usada para a captura dos dados é o Google Analytics.

Gostou de saber TUDO SOBRE SEO, jovem? Então não deixe de acompanhar meu blog para se manter atualizado sobre o universo do SEO e do Marketing Digital. 

Até a próxima!

Sair da versão mobile